OMS disponibilizará 120 milhões de testes rápidos da Covid-19 para países de baixa e média renda

Foto: Lucas Boeira

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou hoje (28/09) que disponibilizará cerca de 120 milhões de testes rápidos do coronavírus (Covid-19), com o objetivo de identificar os antígenos (proteínas da superfície do vírus), para 133 países de média e baixa renda em um período de seis meses, incluindo o Brasil e demais países da América Latina.

A fabricação dos testes será feita pelas empresas SD Biosensor e Abbot. A Fundação Bill e Melinda Gates garantirá o volume. O custo por teste será o equivalente a US$ 5, cerca de R$ 28. O Fundo Global, entidade internacional de financiamento em saúde, contribuirá com U$ 50 milhões, quase 300 milhões de reais pela cotação atual.

De acordo com a OMS, os testes deverão mostrar os resultados entre 15 e 30 minutos após serem aplicados. Vale lembrar que os testes rápidos funcionam melhor quando o paciente tem uma alta quantidade de vírus no corpo (2 dias antes do início dos sintomas até 5 a 7 dias depois da apresentação deles).

A compra dos testes irá começar ainda nesta semana e deve comtemplar primeiro os países africanos, já no início do mês de outubro. Ainda não há previsão de quando eles irão chegar ao Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: